Notícias

Pastor Paulo Junior alerta sobre chegada da censura e perseguição aos cristãos no Brasil

Pastor Paulo Junior alerta sobre chegada da censura e perseguição aos cristãos no Brasil

A escalada da tensão entre os lados opostos no debate político sobre ideias e valores para a sociedade pode gerar um efeito colateral de censura e perseguição aos cristãos no Brasil. Essa possibilidade foi abordada pelo pastor Paulo Junior, que enxerga como uma questão de tempo que a liberdade religiosa seja cerceada.

 

Paulo Junior contextualiza a importância da imprensa nos anos iniciais da Reforma Protestante, ao longo do século XVI, quando os veículos de comunicação surgiram e ajudaram a divulgar as teses de Martinho Lutero. Agora, a comunidade cristã vive uma época em que os cristãos ainda contam com as facilidades das mídias sociais para divulgar o Evangelho, mas essa realidade está próxima de mudar, segundo o pastor.

“Nós teremos nosso direito de expressão, nosso direito de liberdade cerceado pelos grandes veículos de comunicação. Isso já está acontecendo com algumas páginas no Facebook e alguns canais no Youtube e em outras mídias sociais. Aquilo que fere, contraria os princípios ideológicos desse sistema não serão permitidos, não serão publicados, nem tampouco divulgados, e ainda serão retirados do ar”, afirmou.

Casos de páginas de pregadores cristãos nessas plataformas têm sido bloqueadas, suspensas ou retiradas do ar, no Brasil e no mundo, o que corrobora a visão do pastor: “Um dos poucos veículos que nos dá liberdade total é o YouTube, mas por pouco tempo. No tocante ao conteúdo cristão, evangélico, conteúdo bíblico, creio que isso representa uma ameaça muito maior ainda para esse sistema, que é dominado pelo espírito do anticristo”, alertou.

“Eu acredito que em algum tempo, possivelmente, nossos canais […] grandes homens e pregadores, que têm ensinado, divulgado a sã doutrina por todas as partes do mundo terão seu direito de liberdade tirado e provavelmente esses canais serão tirados do ar e nós não poderemos mais publicar as nossas mensagens”, insistiu Paulo Junior.

“Quero fazer um pedido a vocês enquanto nós temos tempo, enquanto temos essa liberdade que nunca tivemos antes, como se fôssemos detentores de um canal de televisão e pudéssemos publicar o conteúdo em todo o tempo para milhares e milhões de pessoas: vamos divulgar esse material. Existem ainda milhões de pessoas que não conhecem a sã doutrina, que não têm acesso a grandes pregadores”, convocou, num esforço de evangelismo que é inspirado na Bíblia.

“Estou dizendo que isso está próximo, está perto de acontecer. Então, vamos fazer isso enquanto nós temos tempo, liberdade”, disse, antes de concluir convidando os cristãos a baixarem o conteúdo das pregações em HD’s para que esses arquivos sejam usados no futuro como forma de divulgação da mensagem em cultos familiares.

Fonte :Gospel Mais




< Voltar

Copyright 2018 - Rádio Mais Louvor